CHERNOBYL DIARIES

Chernobyl Diaries (Chernobyl – Sinta a radiação, EUA, 2012, 86′, cor, terror), de Bradley Parker.

Seis jovens, três homens e três mulheres, resolvem visitar a condenada cidade radioativa de Pripyat, que teve de ser evacuada após a explosão do Reator 4 do complexo nuclear de Chernobyl.  São guiados por Uri, um militar russo reformado, agora dono de uma pequena agência de turismo radical em Kiev, que trabalha sozinho. Justo no dia do passeio, Pripyat está fechada à visitação, mas Uri, pressionado pelos jovens turistas sem noção, acaba entrando em Pripyat por um caminho alternativo. Em meio aos prédios abandonados, sinistros eventos têm lugar, incluindo a irrupção brusca e assustadora, no apartamento que os jovens visitam, em efusões de alegria, de um “urso radioativo do inferno”. O susto os faz querer deixar às pressas o lugar, antes que anoiteça. A diversão radical terminou, e começa então o calvário.

O calvário também será radical. Pois além do urso, e de cães e lobos famintos que chegam com a noite, seres mutantes perambulam por ali, à espreita, e quando os jovens paspalhos tentam escapar a toda velocidade do antro condenado, descobrem que os cabos da van foram devorados por uma desas criaturas enquanto eles passeavam pela cidade fantasma. Eles concluem que a cidade já não andava tão fantasma quanto todos a imaginavam. Logo, os próprios turistas serão devorados, um a um, por mutantes canibais do inferno. Rodado na Sérvia e na Hungria, com atores inexpressivos, em ambientes que simulam as verdadeiras cidades de Kiev e Pripyat, o filme é um lixo nuclear que se deve evitar a qualquer preço.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s